A23 reaberta sem condicionamentos na zona da Guarda

A autoestrada 23 (A23), que estava cortada desde quinta-feira nos dois sentidos entre os nós da Guarda-Sul e Benespera, foi reaberta sem condicionamentos, disse à agência Lusa fonte da GNR da Guarda.

Aquela via tinha sido cortada na sequência de um incêndio que atingiu a região desde quarta-feira e que foi dominado às 08:50.

Apesar de dominado, o incêndio continua a exigir a intervenção de 385 operacionais, 118 veículos e dois meios aéreos.

Três principais fogos lavravam em Oleiros (Castelo Branco) e Vila Pouca de Aguiar (Vila Real), concentrando no combate às chamas mais de mil operacionais, segundo a Proteção Civil.

A Proteção Civil estava esta noite a reforçar os meios terrestres no combate aos dois fogos que lavram no concelho de Oleiros (Castelo Branco) com o objetivo de dominá-los durante a madrugada de hoje.

O fogo que deflagrou na quarta-feira, pelas 13:00, na localidade de Selada das Pedras, era o que pelas 04:30 reunia maior número de operacionais no terreno, com 658 elementos, apoiados por 213 meios terrestres.

Já o outro incêndio no concelho de Oleiros, que começou na quinta-feira, cerca da 01:00, na localidade de Poeiros, concentrava esta madrugada no combate às chamas 367 operacionais apoiados por 118 veículos.

Entretanto, o fogo em Vila Pouca de Aguiar, no distrito de Vila Real, que deflagrou na noite de sexta-feira, pelas 21:00, estava pelas 04:30 de hoje a ser combatido por 116 operacionais, apoiados por 33 viaturas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *